Publicado em: 20/04/2017 ás 07:27:00 Autor: Carlos Alberto de Lima Fonte: Ascom

Com o tema a “Efetivação do Direito da Pessoa com Deficiência”, foi aberto na manhã dessa quarta-feira, 19, prosseguindo nesta quinta, 20, o Fórum Intermunicipal da Pessoa com Deficiência.

O evento que acontece no plenário Arnaldo Corsino da Rocha da Câmara Municipal de Vereadores de Alta Floresta é uma realização da Secretaria Municipal de Assistência Social e Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência (CMDPD), que tem como presidente Maria Lícia Andrade Feronato que abriu o Fórum nesta quarta-feira.

O Fórum Intermunicipal da Pessoa com Deficiência contou com as presenças de autoridades locais e estaduais como Marcione Mendes de Pinho, secretário adjunto de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência para quem a verdadeira inclusão social da pessoa com deficiência só vai acontecer a partir do momento em que se quebrar a barreira atitudinal que é a barreira do preconceito, “aquela barreira que vem do coração e da mente da pessoa, onde ela não consegue enxergar a pessoa que utiliza uma cadeira de rodas, enxerga primeiramente a cadeira de rodas, a bengala do cego, a dificuldade da pessoa com deficiência auditiva de se comunicar”, diz Marcione de Pinho, realçando que a partir do momento em que se olhar para a pessoa e não para a sua deficiência, “a inclusão acontece mais a contento e com menos luta e dificuldade”.

Para Marcione a grande importância do Fórum está na discussão dos direitos da pessoa com deficiência, porque “sem ter o conhecimento dos seus direitos a pessoa não busca nada, mas que esse conhecimento precisa ser publicizado e executado”.

Juarez de Almeida Albuês, presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência (CONEDE) parabenizou o município no nome do prefeito Asiel Bezerra, a Assistência Social e ao Conselho no nome de sua presidente Lícia Andrade pela realização do evento uma vez que os assuntos relacionados ao tema do seminário são assuntos que precisam ser discutidos amplamente para que se tenha melhorias. “E tendo melhorias para as pessoas com deficiência teremos melhorias para todos, como para os idosos enfim, pessoas com dificuldades de mobilidade momentânea e temporariamente e as que tem essas dificuldades permanentemente”, ressaltou Albuês.

Notícias relacionadas

15/08/2017

Secretários de Alta Floresta vão a Cuiabá onde protocolam ações na FUN...

Visualizar Notícia

11/08/2017

Secretaria de Meio Ambiente de Alta Floresta e Bombeiros no combate ao fogo

Visualizar Notícia

01/08/2017

Beneficiários do Bolsa Família e BPC/LOAS devem atualizar situação cada...

Visualizar Notícia

24/07/2017

IPREAF sediou reunião preparatória para Audiência Pública de apresenta...

Visualizar Notícia