Seção de atalhos e links de acessibilidade

Seção do menu principal

Prestação de contas da Prefeitura de Alta Floresta na Câmara Municipal tem análise positiva

Publicado em: 07 de Dezembro de 2017

Autor: Carlos Lima

Fonte: ASCOM


Data: 07 de Dezembro de 2017

Autor: Carlos Lima

Fonte: ASCOM


Na última terça-feira, 05/12, o Prefeito Municipal Asiel Bezerra apresentou na Câmara Municipal de Alta Floresta o Relatório Geral sobre a atual situação em relação aos atendimentos, trabalhos efetuados pela administração e as diversas situações de dificuldades enfrentadas pelo município, face à baixa arrecadação e diminuição de repasses pelos governos estadual e federal. O prefeito foi bastante elogiado pelos Vereadores pelos serviços prestados no primeiro ano de Gestão, quando questionado, foi alimentado por várias sugestões e elogios.

O Prefeito Asiel iniciou mostrando os avanços da Saúde e sua preocupação para que nada de sua administração seja negativado nos âmbitos estaduais e federais, evitando a inviabilização de recursos para o município com a proposta inicial de governo pautada em pontos para o desenvolvimento que se comprometia em Turismo, Educação e Agricultura, o que tem buscado, acrescentando as dificuldades em trabalhar com os recursos defasados por conta do índice populacional do IBGE.

Destacou investimentos na saúde como a entrega das UBS’s e citou o nosso programa para a hanseníase que a exemplo da Hanseníase no Brasil, o município se destaca como modelo. Destacou também o premiado programa da Saúde bucal, o Núcleo de Assistência à Saúde da Família (NASF), as Vigilâncias Ambiental, Epidemiológica e Sanitária, além do atendimento à judicialização.

Na Educação, Asiel pontuou o atendimento na rede aos 5.765 alunos, o transporte escolar que percorre 5.300 quilômetros/dia e as três escolas em construção, tornando Alta Floresta, de fato, polo educacional, lembrando a implantação do IFMT que oferece os cursos técnicos, acentuando o de Técnico em Agropecuária e superiores como o de Administração e o de Zootecnia.

A aquisição de um ônibus para o Esporte e realização dos Jogos Estudantis que recebeu mais de 1.200 atletas oriundos de 33 municípios do Estado. Na Cultura e Juventude destacou eventos como o Carnaval e realização do Miss Alta Floresta 2017 e ainda o apoio ao Festival Gastronômico.

Na Agricultura e na Pecuária o potencial na bacia leiteira, assistência aos produtores, aquisição da patrulha mecanizada, regularização fundiária, convênios e recursos pleiteados.

A Secretaria de Desenvolvimento promoveu, juntamente com a de Agricultura, eventos como o encontro sobre a Expansão da Fronteira Agrícola e o  Segundo Estradeiro da Integração, realizado entre os dias 23 a 25 de novembro que percorreu, aproximadamente,  1.300 quilômetros de Alta Floresta aos portos de Miritituba e Santarém no Estado do  Pará, cujo relatório de viagem e situação de nossas estradas, inclusive o trecho carente de pavimentação entre os municípios de Carlinda e Novo Mundo, foram enviados ao presidente Temer.

A Secretaria de Assistência Social atendeu pelo CRAS 3.420 famílias e realizou 1.553 atendimentos pelos CREAS, além de diversos cursos de capacitação com 450 pessoas capacitadas.

Embora pretendido pelo prefeito, o secretário de Infraestrutura Elói de Almeida não pode usar a palavra devido ao tempo, cabendo ao prefeito manter a sua linha de raciocínio e revelar que hoje a única ponte de madeira dentro da cidade é a da Cidade Bela que também será inovada, o restante são pontes e aduelas de concreto, dando maior durabilidade e segurança.

Comentou sobre os asfaltos realizados, aquisição de equipamentos que deverão ser adquiridos para manutenção das estradas, lembrando os intempéries, que nas últimas chuvas fizeram destruir 5 pontes no município.

Em respostas às poucas perguntas dos vereadores, o Prefeito Asiel anunciou que serão adquiridos dois caminhões novos para a coleta do lixo em 2018 e que uma empresa de Jundiaí em São Paulo, deve pegar, a custo zero, o aterro sanitário para manutenção e limpeza.

Em relação ao baixo salário dos mecânicos, Asiel disse estar em conversa com o Ministério Público para melhorar o salário, não só de mecânico, mas de outras áreas e para a imprensa se posicionou sobre as dificuldades por conta do governo federal que cortou 30% do repasse ao estado, culminando em prejuízo para o município, mas que para o ano que vem, espera-se, não ter maiores dificuldades.

Em resumo, a prestação de contas foi bem apresentada, não sobrando tempo hábil, para mostrar mais do que fora feito neste primeiro ano de Gestão.