Seção de atalhos e links de acessibilidade

Seção do menu principal

Informações da Secretaria
Endereço

Travessa Álvaro Teixeira Costa, Nº 50 , Centro, Alta Floresta - MT - 78580-000

Contato
Secretário

MARINEY VIANA DE ARAÚJO MUNHOZ 

Sobre

Secretária de Assistência Social: MARINEY VIANA DE ARAÚJO MUNHOZ 

  • Chefia de Assistência Social
  • Chefia Municipal do Fundo de Assistência Social
  • Chefia do Serviços de Proteção Básica
  • Chefia do Serviço de Proteção Especial
  • Chefia de Programa Bolsa Familiar
  • Chefia de Recursos Humanos
  • Chefia do CRAS - Centro de Referência de Assistência Social
  • Chefia da Alta Complexidade
  • Chefia do SINE
  • Chefia de Projetos e Programas Social
  • Chefia da Vigilância Sócioassistêncial
  • Chefia do CREAS
  • Assessoria de Cursos

 

Competências da Secretaria

Compete à Secretaria Municipal de Assistência Social:

I – Executar a Política Municipal de Assistência Social em conformidade com o Sistema Único de Assistência Social – SUAS, a Política Nacional de Assistência Social – PNAS e a Lei Orgânica de Assistência Social (Lei nº 8742/93);

II – Elaborar o Plano Municipal da Assistência Social;

III – Elaborar com participação dos Coordenadores de Departamentos e Programas e Conselho Municipal de Assistência Social a peça orçamentária da política municipal de assistência social;

IV – Organizar e gerir a rede municipal de inclusão e proteção social, composta de serviços de cunho governamental e não governamental;

V – Organizar os serviços de Assistência Social com base no tipo de Proteção Social Básica e Especial, referente a natureza e níveis de complexidade do atendimento;

VI – Planejar, gerenciar e executar programas, projetos e serviços de Proteção Social Básica, que tem como objetivos prevenir situações de risco por meio do desenvolvimento de potencialidades e aquisições e o fortalecimento de vínculos familiares e comunitários;

VII – Planejar, gerenciar e executar as ações de Proteção Social Especial abrangendo os serviços de média e alta complexidade;

VIII – Desenvolver programas especializados voltados à proteção de famílias e indivíduos em situação efetiva de risco pessoal e social, bem como as medidas sócias educativas voltadas aos adolescentes e adultos;

IX – Cadastrar, assessorar e monitorar as ações da rede privada de Assistência Social e de Beneficência;

X – Propiciar a participação da população, por meio de organizações representativas, na formulação das políticas e no controle das ações sócio-assistenciais;

XI – Promover cursos de qualificação social e profissionalizante com vistas a minimizar o impacto do desemprego na cidade;

XII – Criar programas e projetos voltados à geração de renda;

XIII – Propor e coordenar o sistema de avaliação permanente de programas e projetos;

XIV – Estabelecer os padrões de qualidade, formas de acompanhamento e instrumental de monitoramento das ações governamentais e não governamentais;

XV – Elaborar em parceria com as Secretarias pertinentes, a política municipal de moradia popular;

XVI – Articular-se com as políticas no âmbito dos demais órgãos da Prefeitura Municipal, com o objetivo de integração das ações com vistas à inclusão dos destinatários da política de assistência social.